My Weblog

Just another WordPress.com weblog

Barrados nOs Produtores

Posted by petlenep em abril 9, 2008

Eu assisto ao Pânico na TV. Já era ouvinte do programa por influência do meu irmão. Gosto do humor deles, embora eu mesmo me questione sobre até que ponto eles podem debochar de alguém em cadeia nacional.

Neste último domingo (06/04/08) eles exibiram uma matéria com o ‘Vesgo’ e o ‘Sílvio’. Eles brincavam com os artistas que foram ao espetáculo Os Produtores, adaptação brasileira para o teatro, baseada num filme de Mel Brooks, estrelada por Miguel Falabella, Juliana Paes e Vladimir Brichta. Só que a brincadeira começou a azedar quando eles tiveram a idéia de dar um ingresso da peça (ao custo de R$ 100,00) a um catador de latas, que passava pelo teatro. Estava armado o cenário para mais uma polêmica.

Mesmo com o caro ingresso na mão, o trabalhador humilde estava sendo barrado na entrada do espetáculo (que, segundo não me engano, estava estreando temporada no Rio de Janeiro). Confusão, bate-boca, empurra-empurra e a cena de discriminação era gritante. Segundo a direção da casa, o homem não estava trajado adequadamente para o evento. Pois bem, deram calça e blusa bonita para o camarada e o mesmo adentrou no teatro. Só que os ‘repórteres’ descobriram que Ivair Souza, o catador em questão, havia sido arbitrariamente retirado da sala da espetáculo. Além disso, foi agredido e mantido encarcerado nas dependências do teatro até o conhecimento dos ‘repórteres’, que acionaram a polícia. E lá vão todos para a delegacia.

Discriminação. Danos morais. Agressão. Cárcere privado (vulgo, seqüestro). Tudo registrado e veiculado numa emissora de televisão. Pois bem, logo pensa-se que a vítima desses mal-tratos ficará rico após fazer um acordo judicial com a casa de espetáculos. Mas nada disso. A polícia concluiu que foi tudo motivado pelo programa Pânico e encerrou em pizza o episódio. Fui dormir domingo com um nó na garganta. Indignado.

Ontem, quarta-feira, fui assistir à peça Balaio de Gatos da humorista Fabiana Karla (feijoada pode!!!), aqui mesmo em Macaé. Me surpreendi em alguns momentos, olhando por cima do ombro, pra ver se algum segurança me retiraria da sala. Confesso que não aproveitei 100% da peça.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: