My Weblog

Just another WordPress.com weblog

Mais churrasco?

Posted by petlenep em maio 1, 2006

Caramba, semana de churrascos. Tem época que é tudo muito devagar. Mas também quando veio, veio com fartura.

Houve festa no Lenep na quinta passada. É minha turma original, já arrecadando dinheiro pra formatura. Churrascão e bebida liberados, DJ mandando muito bem no funk e no forró (Não sei explicar isso direito, mas forró é o ritmo top em Macaé). É claro que sempre há os que ficam bem animadinhos. Mas fora isso, que não chega a ser problema algum, foi tudo muito bem. Elogios vieram por todos os lados e eu deixo o meu aqui também: Parabéns pessoal, a organização foi show.


Durante esse churrasco, da última quinta, Duda deu a notícia: foi oficialmente pedida em casamento. Era questão de tempo, né, e parece que o tempo chegou. Convidou a galerinha pruma “oficialização” do noivado. Como já estava todo mundo animado no churrasco, até o Chepho, bem soltinho, falou no microfone: “Parabéns, Johann!”

Partiu o bonde: eu, Kebola, Flavinha, Thaís, Rafael, Jacyra, Pedroca. SPC já estava em Cabo Frio e depois chegaram Pris e o Adriano. Eu nunca tinha ido a um noivado antes. Acho que tá meio fora de moda. Mas, foi maneiro, noivado parece aniversário. Teve bolo e tudo. Mas o mais engraçado foram as campanhas que criávamos, quando queríamos fazer reivindicações para a Eduarda. A primeira foi quando queríamos degustar a lingüiça do churrasco e a mesma demorava a chegar até nós. Então lançamos a campanha:

Bota a lingüiça aqui.
Aqui, a qual nos referíamos, era a bandeja onde a carne era servida. Depois, a Duda nos prometeu um pudim, mas o pudim custava a sair. Tivemos que lançar outra campanha:

Bota pudim de fora.
Fomos vitoriosos nesta campanha também. Enfim, chegava a hora do descurso oficial do noivo, mas o Javis demorava a aparecer e se declarar logo. Devia estar nervoso. Lançamos mais um slogan de incentivo, para quebrar a timidez do rapaz:

Se abre pra gente, Johann.
A essa altura da festa, tudo era motivo pra criar uma frase de duplo sentido. O bolo estava demorando muito pra ser servido, pois os noivos estavam tirando as fotografias que iriam eternizar o momento. E o bolo lá, bonitão, olhando pra nós. Lançamos a última campanha:

Dá logo, que eu quero comer.
Enfim, eu senti que eu poderia ser marketeiro. Eu e meus correligionários fomos bem sucedidos em nossas campanhas. Então, sendo mais ambicioso, vou lançar uma campanha de alcance nacional. Vocês sabem que o Padre Pinto, lá de Salvador, foi afastado de sua igreja devido a seu jeito extravagante. Mas coitado do padre. O padre deveria ser reintegrado à sua paróquia. Por isso que minha próxima campanha será:

Bota o Pinto de volta.
O Caetano me apóia nesta campanha.


Peraí!!! Eu falei que minha namorada fez aniversário? Que eu fui ao teatro e que vi Sônia Braga, a eterna musa de Jorge Amado? Pois bem, já sei qual o assunto da próxima rabiscada.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: