My Weblog

Just another WordPress.com weblog

Domingo de exemplos

Posted by petlenep em abril 11, 2005

Domingo. Estava saindo de manhã, da casa da Verônica, pensando sobre o quê escreveria. Passei em frente uma banca de jornal e, procurando alguma manchete que me inspirasse, descobri que Daniella Cicarelli (quanto l, meu Deus) está grávida do Ronaldo Fenômeno. Bem, esse seria o assunto desta rabiscada: a gravidez de mulher de jogador de futebol, assunto de relevância máxima para todos nós. Mas como eu já escrevi seria, o leitor amigo já percebe que haverá uma reviravolta na história.

Ao chegar em casa (vindo da Verônica), vejo minha mãe fazendo as unhas e assistindo a Etapa do Mundial de Ginástica Olímpica, realizada em São Paulo. Parei pra conversar com ela e, em menos de 10 minutos é anunciada a participação da ginasta brasileira Daiane dos Santos. A mulher incendiou o público quando entrou em quadra (não, não é em quadra que se chama, mas eu não sei o nome daquele lugar em que elas se exibem). E sua apresentação não foi menos brilhante. Ela foi perfeita em todos os movimentos, embora há apenas poucos meses atrás fosse dada como uma atleta sem futuro. Isso é que é lição de superação. Em poucos momentos lá estavam, eu minha mãe, dois babões, cantando o Hino Nacional e boquiabertos com esta menina.

Cicarelli já foi ficando em segundo plano.

Ontem também foi o XIII aniversário da cidade em que moro, Rio das Ostras e haveria show dos Paralamas do Sucesso. Cheguei do Rio e parti no bonde com Market, J (pronuncia-se em inglês: Jay) e Eduarda. Encontramos no caminho Flávia e Thiago. No horário marcado entra Herbert Vianna, camisa vermelha, boné preto virado pra trás, impulsionando sozinho sua cadeira de rodas. A Praça São Pedro ficou em êxtase. O show foi excelente. Músicas dançantes, de crítica à política, baladas românticas, tudo o que os fãs poderiam querer. Na nossa frente havia um figuraça. Dançava, bebia, fumava, mexia com as meninas que passava. Tava até rolando um affair entre o cara e Marquinhos.

Os Paralamas foram testemunhas vivas de todo o rock 80’s que também gerou a Legião, Titãs, Barão, Engenheiros, Capital entre outros e estavam ali, na minha frente. Baroni estava uma máquina na bateria, com levadas alucinantes no cover “Should I Stay Or Should I Go” do The Clash. E Herbert… Bem, Herbert é um vitorioso. Primeiro por ser flamenguista (brincadeira!). Depois por ter passado pelo trauma da paralisia, de perder a esposa e reencontrar prazer em trabalhar. Ao invés de pedaleira ele tem um painel adaptado para os efeitos de sua guitarra, que fica próximo à sua cadeira e é acionado manualmente.

Enfim, depois da lição de vida de Daiane dos Santos, do exemplo de vida de Herbert Viana, tudo num dia só, acho que não vou mesmo escrever sobre o herdeiro do Fenômeno. Meu domingo teve exemplos bem melhores para serem lembrados.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: